Início Esporte Itambé exporta mais um talento do futebol para a Europa

Itambé exporta mais um talento do futebol para a Europa

Por Reginaldo Spínola

A cidade de Itambé passa a ser vista com mais interesse, por parte dos grandes clubes de futebol, que investe em talentos de base, com o objetivo de revelar futuros craques, a exemplo do internacional Neimar. Itambé conta com 3 escolinhas de futebol que desenvolvem projetos sociais, tirando crianças das ruas e mudando suas vidas com a pratica de esporte saudável, como é o futebol. Esse trabalho feito com dedicação e disciplina gera bons frutos e alimenta o sonho das crianças de um dia se tornarem craques de futebol. Essas escolinhas se tornaram referências em revelar bons jogadores, com grandes possibilidades serem destaques em grandes clubes brasileiros e internacionais, a exemplo do itambeense Filipe Augusto, que se tornou jogador profissional do Clube Valencia da Espanha.

Entre inúmeras revelações que a cidade de Itambé exporta para o mundo do futebol, um jovem teve nesta semana a oportunidade de mostrar o seu futebol para o mundo. O Itambeense Glécio Rodrigues Leite, de 18 anos, filho de Roberto da Silva Leite e Fabiana Rodrigues, jogador do clube Paulista Mogi Mirim assinou contrato com o clube Anderlecht, da Bélgica, onde passará um ano e seis meses na Europa para mostrar o seu talento e ter a chance de transferência definitiva para o futebol europeu.

Glécio e filho de Itambé e morou na cidade até aos 10 anos com os pais e teve como apoio para realizar os seus ideais, o seu tio Gilberto Leite, GCM de Itambé. Aos 12 anos Glécio passou a morar em Porto Seguro com sua família, onde viu a sua vida mudar de vez. Em um teste de seleção na cidade, conhecido como peneira, o itambeense foi selecionado entre 500 participantes e passou a integrar as divisões de base do clube paulista Mogi Mirim, clube dirigido pelo ex craque e campeão mundial pela Seleção Brasileira, Rivaldo.

Após longo preparo disputando torneios de base, como o sub 15, o Mogi Mirim subiu o lateral esquerdo das categorias de base e profissionalizou Glécio aos 16 anos. Aos 17, o craque passou a defender a equipe do Palmeiras, onde jogou por mais de um ano. Na temporada com o Palmeiras Glécio disputou o Sub 17 e Campeonato Paulista de 2014.

As portas se abriram de vez para o lateral Itambeense no ano de 2015, quando ele retornou ao clube Mogi Mirim. O clube belga Anderlecht, que já vinha monitorando a evolução de Glécio há algum tempo, despertou interesse em contratar o lateral esquerdo, após a disputa da Copinha São Paulo de 2015, onde Glécio foi destaque na competição.

As negociações se intensificaram entre os dois clubes, e, finalmente no início de janeiro, as partes se entenderam e Glécio foi cedido por empréstimo ao o clube belga, que registrou o jogador durante os momentos finais da janela de transferência de inverno, pela Football Union Belga, na última terça-feira (02/01). Clécio Rodrigues assinou contrato na condição de jogador emprestado ao Anderlecht por um ano e seis meses, onde será avaliado, ficando em aberto a opção de compra do craque itambeense.

De acordo com publicações em sites internacionais, Glécio irá integrar a equipe Sub-21, para ser analisado a sua progressão e definir rumos futuros.

Related Articles

Deixe um comentário