Página Inicial / Brasil / Por 6 votos a 3, STF mantém Renan na presidência do Senado

Por 6 votos a 3, STF mantém Renan na presidência do Senado

Compartilhe em sua Rede Social

itambeagora

Na tarde desta quarta-feira (7), o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, por 6 votos a 3, manter o presidente do Senado Renan Calheiros (PMDB) no cargo. A maioria da Corte Federal derrubou a decisão individual do ministro Marco Aurélio, que determinou o afastamento, na última segunda (5).

Votaram a favor da permanência de Renan os ministros Celso de Mello, Teori Zavascki, Dias Toffoli, Luiz Fux, Ricardo Lewandowski e a presidente da corte, Cármen Lúcia. Pelo afastamento do senador votaram, além de Marco Aurélio, os ministros Edson Fachin e Rosa Weber.

Dois ministros não participaram do julgamento. O ministro Gilmar Mendes está em viagem oficial à Suécia e Luís Roberto Barroso está impedido de julgar a questão porque trabalhou com os advogados da Rede, autores da ação, antes de chegar ao Supremo.

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Corpos de mãe e filha são encontrados em cova rasa

Compartilhe em sua Rede Social  A Polícia Civil encontrou na tarde desta quarta-feira (24) os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.