Página Inicial / Brasil / Tragédia: Sargento da PM mata filho de 10 meses acidentalmente

Tragédia: Sargento da PM mata filho de 10 meses acidentalmente

Compartilhe em sua Rede Social

Um sargento da Polícia Militar de Virgolândia, a 90 quilômetros de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, em Minas Gerais, matou acidentalmente o filho de 10 meses com um tiro na barriga quando manuseava sua pistola ponto 40. O disparo foi na casa dele, no Centro daquela cidade.  O tiro também atingiu a mão direita do militar, que está transtornado com a morte do filho e recebe apoio psicológico.

O acidente foi na tarde de sexta-feira (19). O sargento, de 35 anos, estava escalado para assumir o serviço às 13h para viajar para Governador Valadares, onde participaria de uma diligência, segundo consta no boletim de ocorrência. Depois de pegar a arma no quartel, o PM recebeu um telefonema de um militar superior dispensando-o da viagem.

O sargento foi para casa com a arma, uma vez que teria que assumir o seu turno normal, às 16h. Em casa, ele verificava as condições de uso da pistola e houve o disparo acidental. Pai e filho foram socorridos em uma unidade médica da cidade. Em seguida, foram transferidos para o Hospital Municipal de Governador Valadares, onde a criança morreu horas depois.

A arma e o estojo do cartucho deflagrado foram recolhidos para perícia. Segundo a PM, foi dada voz de prisão ao sargento para atender formalidades legais. O militar, ainda de acordo com a PM, não estava em condições psicológicas para prestar depoimento à delegada da cidade, responsável pela investigação, e deverá se apresentar depois. O local do acidente foi periciado. // Hoje em Dia/imagem ilustrativa

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Tragédia: Comissário da Polícia Civil mata namorada à tiros e depois tira a própria vida

Compartilhe em sua Rede Social  Uma mulher de 34 anos foi assassinada por volta das …