Página Inicial / Bahia / Enem 2017: o que você precisa saber sobre a prova deste ano

Enem 2017: o que você precisa saber sobre a prova deste ano

Após meses de preparação, os candidatos já estão em contagem regressiva para o Enem 2017. Este ano, o exame será aplicado em dois domingos, 05 e 12 de novembro. No primeiro domingo, a prova terá a duração de 5 horas e meia, e contará com a redação e provas de linguagem, código e suas tecnologias, e ciências humanas e suas tecnologias. As provas de matemática e ciências da natureza e suas tecnologias acontecerão no segundo domingo e terão 4 horas de duração.

Com tanta preparação para a prova, é importante que os candidatos saibam o que é permitido durante a realização do exame. Por isso, confira algumas informações e dicas para não passar sufoco nos dias de prova:

O que levar

O candidato deverá levar um documento original com foto e uma caneta esferográfica de cor preta e feita em material transparente. É permitido que os candidatos levem alimentos nos dias de prova. Caso o alimento seja guardado em pote, este deve ser transparente. É recomendado que o candidato imprima o seu cartão de confirmação de inscrição e leve ao local de prova.

O que não é permitido levar

Não será permitido ao candidato levar lápis, lapiseira, borracha, caneta fabricada por material não transparente, manuais, livros, anotações e dispositivos eletrônicos de qualquer espécie, como celulares, telefones, tablets, pen drives, gravadores, relógios, alarmes ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens.

Durante a realização das provas não é permitido o uso de óculos escuros, chapéus, bonés, viseiras, gorros ou similares. Também está proibido ausentar-se em definitivo da sala de provas antes de decorridas duas horas do início das provas.

Horário

É importante se atentar, também, ao horário de abertura dos portões. Na Bahia, estado que não adota o horário de verão, os portões abrem pontualmente às 11h e fecham às 12h, nos dois dias de prova. O início das provas está previsto para às 12h30.

Segurança

Diferente dos outros anos, os cartões com as questões e respostas vão ser personalizados, com nome e número de inscrição de cada candidato. Com isso, não será mais necessário que o aluno identifique a cor da prova. Ainda assim, haverá quatro cadernos diferentes, que também vão ser identificados por cores.

O candidato não deve recusar-se, injustificadamente, a ser submetido ao detector de metais e coleta de dado biométrico. // iBahia

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

 Protesto termina em “barraco” entre vereador e pipeiros de Rio do Antônio. Assista ao vídeo

Diz o ditado que ‘Na briga entre o mar e o rochedo, é o siri …

Caatiba: Professores entram em greve e luta por recurso dos precatórios do FUNDEF

Os profissionais da Educação Municipal de Caatiba, paralisaram às atividades escolares por tempo indeterminado na …