Página Inicial / Bahia / Mãe de bebê estuprada na BA já havia sido abusada duas vezes pelo mesmo homem

Mãe de bebê estuprada na BA já havia sido abusada duas vezes pelo mesmo homem

A mãe do bebê de 4 meses que foi estuprada por um homem de 47 anos, em Belmonte, no sul da Bahia, disse à polícia que já foi abusada pelo mesmo rapaz duas vezes, recentemente. A informação foi passada ao G1, nesta segunda-feira (19), pelo delegado Moisés Damasceno, coordenador da 23ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin).

No entanto, conforme o delegado, a mãe da criança nunca registrou os casos na polícia. O crime contra o bebê, que é uma menina, ocorreu no domingo (18), no distrito de Santa Maria Eterna, zona rural de Eunápolis.

A mãe relatou à equipe da TV Santa Cruz que era o alvo do suspeito, mas fugiu com uma outra filha, de 9 anos, com medo que a menina também pudesse ser abusada por Rairone. A mãe da criança contou que o suspeito, identificado como Rairone Moura dos Santos, conhecido também como Eron, mora em um assentamento perto da casa da família dela, e já tinha ameaçada ela de morte. Assista à reportagem:

Ao voltar para casa, já acompanhada de vizinhos, cerca de 5 minutos após a chegada do suspeito, a criança de 4 meses não foi encontrada no imóvel. O bebê foi achado por populares, cerca de duas horas, em uma estrada de chão, enrolado em um lençol, e foi levado para o Hospital Regional de Eunápolis.

Segundo o delegado Damasceno, o suspeito não tem passagens pela polícia. A mulher dele, que não teve a identidade divulgada, está grávida, informou a polícia.

A prisão preventiva de Rairone foi pedida à Justiça ainda no domingo, mas até a publicação desta reportagem não havia sido decretada. A polícia segue em busca do suspeito e pede que quem tiver informações sobre ele, entre em contato por meio do número 190.

Caso

Criança de quatro meses está internada no Hospital Regional de Eunápolis (Foto: Reprodução/ TV Santa Cruz)

Segundo a polícia, ao perceber que a mãe da criança fugiu da casa, Rairone Moura dos Santos raptou a menina de 4 meses. A polícia tomou conhecimento do caso através de uma assistente social do Hospital Regional de Eunápolis, onde a criança permanece internada.

A assistente informou à polícia que a menina deu entrada na unidade médica, levada por uma ambulância do Samu, já acompanhada da mãe. A criança passou por duas cirurgias, e segue em observação, na ala pediátrica. Não há previsão de alta.

O homem vai responder pelo crime de estupro de vulnerável.

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

FTC realiza neste sábado (22) grande ação de recreação e cidadania no Povoado Batuque

A maratona de solidariedade faz parte da Semana de Responsabilidade Social 2018 da FTC de …