Página Inicial / Brasil / Caso Vitória Gabrielly: Menina pode ter sido confundida com outra garota ao ser assassinada

Caso Vitória Gabrielly: Menina pode ter sido confundida com outra garota ao ser assassinada

Compartilhe em sua Rede Social

Vitória Gabrielly

A principal linha de investigação da Polícia Civil, até o momento, é a de que Vitória Gabrielly foi executada por engano, em um crime motivado por vingança, que seria contra a garota com o mesmo nome dela.

“Nada indica [que ela fosse o alvo da vingança]. Não há histórico, passado ou recente, contra a família ou qualquer parente da vítima”, disse o delegado seccional de Sorocaba (99 km de SP), Marcelo Carriel, na semana passada.

Vitória Gabrielly foi sequestrada, segundo a polícia, quando andava de patins perto de um ginásio no bairro Jardim Brasil. Seus últimos momentos foram registrados por uma câmera de vigilância.

Entre sábado e segunda, nove pessoas foram ouvidas pela polícia de Araçariguama sobre o caso. Esses depoimentos foram prestados na casas dessas testemunhas.

Até o momento, quase 80 pessoas falaram à polícia. Cerca de 300 horas de imagens de vídeo, capturadas em câmeras de vigilância, também são analisadas.

A causa da morte, segundo laudo preliminar apresentado por peritos à polícia, foi de asfixia provocada por esganação.​

FÃ DE NOVELA INFANTIL, GAROTA DE 12 ANOS SONHAVA SER ATRIZ

Em sua última imagem ainda com vida, Vitória Gabrielly, 12, aparece colocando um patins rosa para brincar em um ginásio de esportes. O brinquedo tinha sido um pedido do Dia das Crianças.

“Ela havia acabado de fazer 12 anos, ainda brincava de boneca. Só tinha tamanho”, diz a mãe, Rosana.

Ela afirma que, entre os sonhos da menina, estava ser modelo e atriz. Não para desfilar em passarelas, mas para participar de novela infantil.

A sua predileta, diz a mãe, era “Poliana”, exibida pelo SBT, que conta a história de uma menina que consegue ver a parte boa em todas as coisas da vida. A ausência de Vitória diante da TV, quando a novela começou, foi a senha para a mãe ter certeza do sumiço. “Liga para um, liga para outro e nada. Entrei em desespero.”

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Grávida é amarrada a tronco, enforcada e tem bebê arrancado da barriga

Compartilhe em sua Rede Social  Irmão disse que casal suspeito do crime pode ter cortado …