Página Inicial / Bahia / Quinze dias após reforma, teto do Tiro de Guerra de Conquista desaba

Quinze dias após reforma, teto do Tiro de Guerra de Conquista desaba

O desabamento do teto do auditório Tiro de Guerra, em Vitória da Conquista por pouco não provocou uma tragédia. O local estava vazio no momento da queda, na noite da última quinta-feira (28).

Segundo o site TV Sudeste Digital, as causas do rompimento das vigas de sustentação da obra, de responsabilidade da Prefeitura, devem ser apuradas pelo Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA) e também pelo Exército.

Além do telhado, que sofreu intervenção há apenas 15 dias, a Prefeitura também executou reformas no piso, instalações elétricas, cozinha, banheiros e tubulação.

O prefeito Herzem Gusmão (MDB) disse em sua rede social “estar grato a Deus por não ter ocorrido uma ‘tragédia’ e que o fato é “lamentável e sem justificativa”. O prefeito informou ainda que irá solicitar ao secretário de Infraestrutura urbana, José Antônio Vieira, “que acompanhe pessoalmente a restauração da parte que desabou e faça intervenções necessárias para que a segunda entrega das obras do Tiro de Guerra ocorra dentro da normalidade e com segurança”.

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Na justiça: Estado da Bahia e o município de Bom Jesus da Serra tem até 24 horas pra cumprir Ação Judicial

A Justiça determina que o Município de Bom Jesus da Serra/BA, e o Estado da …