Página Inicial / Bahia / Rondesp prende “Matador”, suspeito de participar de chacina em Conquista

Rondesp prende “Matador”, suspeito de participar de chacina em Conquista

Compartilhe em sua Rede Social

Denúncias anônimas levaram a Rondesp até Wesley Costa Silva, o “Índio matador”, suspeito de participar da chacina que resultou em três mortos a tiros no Bairro Cidade Maravilhosa, em Conquista. Ele não reagiu à abordagem, ocorrida no Bairro Sobradinho.

RELEMBRE AQUI

Segundo a denúncia, além de matador, o preso atuava como responsável pela guarda das armas usadas em crimes na cidade. Ele confessou participação e apontou comparsas no crime, identificados até então pelos vulgos de ” Zé Carlinhos”, “Luquinhas”, “Rafik”, “Pé de Pato” e “Cheba”.

De acordo com o TV Sudoeste Digital, durante buscas nas redondezas, os policiais chegaram até o esconderijo de “Luquinhas”. Um indivíduo não identificado conseguiu fugir e deixou para trás um revolver, calibre 38, e 10 munições do mesmo calibre. A Rondesp continua as buscas.

“Índio matador” revelou que a arma de fogo encontrada havia sido usada no crime ocorrido e a motivação do mesmo seria disputa por pontos de drogas entre facções rivais. Ele contou, ainda, que a intenção era matar dois desafetos, mas outros dois entraram na linha de tiro. A chacina resultou em três mortes e um gravemente ferido.

Diante de tal informação e de posse de outras obtidas com o envolvido, foram efetuadas buscas em outras residências apontadas pelo mesmo como possíveis esconderijos do envolvidos, mas nada foi encontrado. O envolvido e o material encontrado na casa de “Luquinhas” foram apresentados na Delegacia de Homicídios.

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Mulher morre eletrocutada após estender roupa atrás de geladeira no sul da Bahia

Compartilhe em sua Rede Social  Uma mulher de 25 anos morreu na manhã da última quinta-feira …