Página Inicial / Noticias / Bolsonaro exige que avião presidencial seja o primeiro a pousar no novo aeroporto de Conquista no dia da Inauguração

Bolsonaro exige que avião presidencial seja o primeiro a pousar no novo aeroporto de Conquista no dia da Inauguração

Compartilhe em sua Rede Social

 

A presença do presidente Jair Bolsonaro (PSL) na inauguração do aeroporto Glauber Rocha, em Vitória da Conquista, na próxima terça-feira (23), ainda não está confirmada. Mesmo assim, segundo informações, já foram emitidas ordens que nenhum avião poderá pousar antes da aeronave presidencial.

A exigência dificultará a chegada de Rui Costa com pouso no novo aeroporto. Na programação, o Governador da Bahia chegaria com comitiva em avião a jato. Se a ordem presidencial for confirmada, Rui terá que mudar os planos e pousar no aeroporto Pedro Otacílio.

Também segundo informações, a presidência já acionou as Forças de Seguranças Federais para acompanhar o evento de inauguração.

Último a chegar e primeiro a pousar – Quando Jair Bolsonaro assumiu a presidência, 94%  das obras do aeroporto Glauber Rocha já estavam concluídas, restando apenas fase final de instalação de equipamentos. A obra do aeroporto foi concretizada a partir de convênio celebrado em 2013, entre Estado e União, no governo de Dilma Roussef. Mas agora, a exigência de ser o primeiro a pousar demonstra que Bolsonaro quer ser o dono da festa.

Recentemente, o governador da Bahia Rui Costa, ao ser questionado sobre “quem é o pai do aeroporto”, foi diplomático e respondeu que “é o povo de conquistense”, e que o presidente tem o direito de participar da inauguração. Porém, o Governo do Estado lançou um vídeo institucional frisando que a realização foi “100% executada pelo Estado”.

Blitz Conquista

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Ex-vice-prefeita de Jequié é encontrada morta dentro de casa; suspeita-se de suicídio

Compartilhe em sua Rede Social  A ex-vice-prefeita de Jequié, Cinara Abreu foi encontrada morta, nesta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.