Início Bahia Idoso acusado de mandar matar a mãe, morre após ser atropelado em Itororó

Idoso acusado de mandar matar a mãe, morre após ser atropelado em Itororó

Por Reginaldo Spínola

Morreu, a caminho do Hospital Geral de Vitória da Conquista, João Batista Martins Ferraz, 75 anos, atropelado na BA-263, em Itororó, na noite da última sexta-feira (21). A informação é do Blog Itororó Já.

Ele estava próximo a fazenda em que residia e estava montado em um cavalo quando foi atropelado por uma van.

João Batista havia sofrido ferimentos em uma das pernas, mas, permaneceu consciente durante o atendimento. O idoso foi encaminhado para o Hospital Cristo Redentor, em Itapetinga e posteriormente transferido para o Hospital de Base de Conquista, mas veio a óbito ainda a caminho da unidade de saúde.

Polícia

Segundo informações do Portal Bahia no Ar, João Batista tinha passagem pela polícia. Ele havia sido preso em Itapetinga em julho de 2014, acusado do crime de estelionato no Banco do Bradesco de Caatiba.

Ainda segundo o site, João Batista também foi acusado em 1993 do crime de ter mandado matar a tiros sua mãe, a fazendeira Nelita Ferraz, moradora da Rua Macarani, em Itapetinga.

De acordo o Verdinho Itabuna, o irmão de João Batista, o pecuarista Alfredo Ferraz (Ratinho), também foi morto a tiros por parentes, em disputa pela herança dos pais. Ambos os casos tiveram repercussão nacional, através da imprensa, com João Batista ficando ´famoso´ nacionalmente pela morte da mãe.

Informações: Blog Itororó Já / Bahia no Ar / Verdinho Itabuna

Related Articles

Deixe um comentário