Início Noticias GRÁVIDAS DA REDE PÚBLICA SERÃO VACINADAS CONTRA COQUELUCHE

GRÁVIDAS DA REDE PÚBLICA SERÃO VACINADAS CONTRA COQUELUCHE

Por Reginaldo Spínola
 
O Ministério da Saúde divulgou, via portaria publicada no
Diário Oficial da União, a decisão de incluir, na rede pública, a vacina contra
a coqueluche para gestantes. A vacina deve ser oferecida a partir de 2014, em
cronograma ainda a ser fechado. Dados oficiais indicam que, em 2011, o país
registrou 55 mortes pela doença. Desse total, 70% dos casos de coqueluche foram
em crianças menores de um ano, e 92% em bebês de até sete meses de idade.
Segundo a Obstetra do Hapvida, Manuela Murta Saramago,
trata-se de uma decisão importante, pois à medida que as gestantes receberem
essa vacina, os bebês estarão indiretamente imunizados. “Com a vacinação há a
transferência de imunoglobulinas 
produzidas no organismo materno em resposta aos antígenos e agentes. O
sistema imunológico do feto e recém-nascido é imaturo e, por isso, as
imunoglobulinas adquiridas evitariam que desenvolvesse a doença”, explica a
especialista.
O cronograma vacinal
da criança contra a coqueluche começa com uma primeira dose de vacina aos dois
meses de idade; a segunda é dada aos quatro meses, e a terceira aos seis meses.
Mais dois reforços são dados – um aos 15 meses e um aos quatro anos de idade.
Na avaliação do Ministério da Saúde, crianças com menos de seis meses de idade
são as mais vulneráveis à doença, por não terem completado o esquema básico de
vacinação, com as três primeiras doses.

Itambeagora@gmail.com

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade