Início Noticias Vídeo: Jovem bêbado bloqueia via pública de Conquista e apaga dentro do carro

Vídeo: Jovem bêbado bloqueia via pública de Conquista e apaga dentro do carro

Por Reginaldo Spínola
0 Comentário
Na madrugada deste domingo (11), agentes do SIMTRANS receberam uma denuncia no 156, de que um homem estaria
bêbado e bloqueando a via na Ivo Freire Aguiar, na Zona Leste da cidade.
Chegando ao local, realmente encontraram um veículo no meio da rua e lá dentro
estava seu condutor que desacordado, não respondia a nenhum estímulo. A Polícia
Militar foi acionada e percebendo os sinais de embriagues, conduziu o rapaz à
delegacia. A quantidade de 1, 18 miligramas de álcool por litro de ar expelido
pelos pulmões aferida pelo “bafômetro” que configura crime de trânsito, foi
suficiente para que ele perdesse os sentidos, e “apagasse” no meio da rua.

Por toda parte há informações
dando conta que não se deve conduzir veículos, depois da ingestão de bebidas
alcoólicas. A Legislação de Trânsito brasileira é severa com infratores, que
quando flagrados são multados e perdem o direito de dirigir por 1 ano.  A lei define quando o motorista/motociclista
embriagado comete crime de trânsito: tolerância de 0,3 miligramas de álcool por
litro de ar ou de 6 decigramas por litro de sangue. A pena para esse crime é de
detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão temporária da carteira de
motorista ou proibição permanente de se obter a habilitação.
Para comprovar a embriagues na
condução não é preciso o exame de sangue ou o “bafômetro”. Segundo o Código,
vídeos e provas testemunhais também são aceitos, além de outros meios
considerados legais, para a verificação do estado de torpor do indivíduo.
A embriaguez compromete a
capacidade de raciocínio e reflexos do condutor, sendo altamente prejudicial
para a segurança no trânsito. Informações Blog Transitar. Veja o vídeo:

                 

Itambeagora@gmail.com
0 Comentário
0

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade