Início Noticias Criança de quatro anos é encontrada amarrada e suja de graxa após suposto abuso em casa de máquinas

Criança de quatro anos é encontrada amarrada e suja de graxa após suposto abuso em casa de máquinas

Por Reginaldo Spínola
O CMDCA (Conselho Municipal dos
Direitos da Criança e do Adolescente) de Valparaíso de Goiás, região do Entorno
do Distrito Federal, vai investigar as circunstâncias de um suposto abuso
sexual contra uma criança de aproximadamente quatro anos que teria ocorrido na
noite deste domingo (19).
A menina foi encontrada amarrada
e suja de graxa na casa de máquinas do elevador de um dos três prédios do
condomínio Parque dos Sonhos, onde mora com a família. A polícia investiga se
ela foi vítima de abuso sexual.
O caso foi denunciado por um
morador cuja enteada, de nove anos, teria flagrado o agressor com a menina na
casa de máquinas. A menina de nove anos ouviu gritos de socorro vindo do local
enquanto brincava com outras crianças e avisou as pessoas que estavam no salão
de festas comemorando um aniversário.
Quando foi abordado pelos
condôminos, o agressor, de aproximadamente 20 anos, teria dissimulado o abuso e
não foi mais visto no condomínio onde mora com a família.
O R7 DF teve acesso a imagens da
garota depois do flagrante feito por outros moradores do prédio. Ela aparece
amarrada e suja de graxa. A reportagem tentou ouvir a Polícia Civil e a Polícia
Militar localizadas em Valparaíso, mas não obteve resposta aos pedidos de informação
sobre o caso até a publicação desta matéria.
Em entrevista ao R7 DF, Marilene
Silva de Almeida, conselheira do CMDCA, informou que uma comissão de inquérito
irá apurar as denúncias e remeter o resultado das investigações para o
Ministério Público. Ainda conforme o relato de moradores, os pais da menina
estavam ausentes de casa na hora do incidente, por volta das 20h.
Itambeagora@gmail.com

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade