Início Noticias O cúmulo do abuso de poder: Vereadora expõe histórico financeiro salarial de funcionário da prefeitura em rede social

O cúmulo do abuso de poder: Vereadora expõe histórico financeiro salarial de funcionário da prefeitura em rede social

Por Reginaldo Spínola

A vereadora Regina Santana, da
cidade de Itambé, extrapolou todos os limites da irresponsabilidade,
imoralidade e outros adjetivos mais, ao postar em rede social – sem motivo
legalmente razoável, o histórico financeiro salarial de um funcionário comissionado,
da prefeitura de Itambé, no intuito de desqualificar e desmoralizar o mesmo,
que também é moderador do Blog Itambeagora. A motivação se deu por conta de uma
matéria publicada no site relatando a falta de vereadores nas sessões.

A vereadora, que foi eleita pela
oposição ao atual governo, logo após ser eleita abandonou o seu grupo e aliou-se
ao atual prefeito Ivan, se mantendo com discurso moderado no seu cotidiano e durante
as sessões da Câmara Municipal. Com a aproximação das eleições de 2016, a
vereadora resolveu voltar ao seu grupo que a elegeu, tendo em vista, que
necessita de legenda partidária para continuar sua carreira política. Desde então,
discursos inflamados e atitudes polémicas tem sido a principal bandeira da
vereadora. Na busca por atenção, para se manter com o nome ativo na boca dos
eleitores, a vereadora, recentemente criou um grupo para promover sua imagem na
rede social Facebook e grupo de Whatsapp, se postando como portadora da verdade.
No Facebbok, o seu grupo, intitulado como ”Regina Convencendo com a Verdade”,
nem toda verdade é publicada.
Um debate de argumento foi
travado entre a vereadora e moderador do Blog Itambeagora, na sua página ”Regina
Convencendo com a Verdade”, referente a sua insatisfação na publicação da
referida matéria no blog. Até certo ponto tudo se tratava do conteúdo
publicado. Não satisfeita, a vereadora resolveu ir mais além – mesmo o
moderador sugerindo botar um ponto final na discussão e usou,
irresponsavelmente, da sua prerrogativa de vereadora, através de sua senha,
para obter informações privilegiadas, no site do TCM (Tribunal de Contas dos
Municípios), da vida financeira do funcionário e simplesmente publicou na rede social
Facebook. A irresponsabilidade foi tanta, que a vereadora não se deu ao
trabalho de sequer retirar o CPF (Cadastro de Pessoa Física) do funcionário no documento,
deixando exposto para quem quiser ver e utilizar em fraudes, golpes e outros
crimes mais, podendo causar enormes prejuízos e transtornos. O interessante é
que a consulta foi feita em pleno domingo (28), às 16:38h.

A informação sobre salários de
funcionários e servidores públicos é pública e qualquer pessoa pode acessar o Portal
da Transparência e conferir essas informações, mas, até onde vai a legalidade
de exibir esse documento em rede social, sem se tratar da coletividade, com o único
motivo fútil, de denegrir a imagem de uma pessoa. Medidas cabíveis estão sendo
tomadas. Até onde vai o limite da irresponsabilidade e abuso de poder?
O que você acha de ter seu
salário exposto em rede social?

Itambeagora@gmail.com
1 Comentário

Related Articles

1 Comentário

Anônimo 2 de julho de 2015 - 12:01

se seu salário vem do fruto dos seus esforço não vejo problema a não ser q esteja fazendo algo inlissito

Comentários estão fechados.

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Aceitar

Política de privacidade e cookies