Início Noticias Tragédia: Durante jantar, mãe saca arma e mata as duas filhas diante do marido

Tragédia: Durante jantar, mãe saca arma e mata as duas filhas diante do marido

Por Reginaldo Spínola
0 Comentário
A mulher que matou as duas filhas
no dia do aniversário do marido, na semana passada, convocou uma reunião familiar
antes de atirar nas jovens. É o que relatam os investigadores do caso. Christy
Sheats, de 42 anos, do Texas, nos Estados Unidos, foi morta por um policial
quando ela se recusou a largar o revólver calibre 38 que usou para matar as
filhas.
Segundo a “NBC News”, num
comunicado, o gabinete do xerife de Fort Bend County disse que na sexta-feira à
tarde, Christy reuniu seus filhos, Taylor, de 22 anos, e Madison, de 17 anos, e
seu marido, Jason, que tinha acabado de fazer 45 anos, na sala de sua casa.
“Durante a reunião, Christy Sheats levantou a arma e atirou nas duas meninas”,
disse o comunicado da polícia. As meninas e o pai ainda tentaram fugir, mas
Madison logo morreu.
Taylor correu para a rua e a mãe
atirou novamente e, em seguida, voltou para casa e recarregou a arma. Taylor
morreu mais tarde em um hospital local, e seu pai, Jason, não ficou ferido. A
polícia foi chamada, e quando Christy Sheats não colocou a arma no chão ela
acabou morta. Segundo a polícia, as equipes foram chamadas para o local 14
vezes desde janeiro de 2012 por motivos não revelados.
Jovem se casaria nesta
segunda-feira
Segundo a revista “People”, a
filha mais velha de Christy Sheats, Taylor, de 22 anos, ia se casar com o
namorado nesta segunda-feira, três dias depois de ser morta pela mãe. Na
internet os parentes e amigos lamentaram a tragédia.

O crime
A polícia da cidade de Houston,
no Texas (EUA), vai investigar as motivações do crime que chocou moradores do
subúrbio de Fulshear, na tarde desta sexta-feira. Uma mulher assassinou as duas
filhas, após uma discussão doméstica. O pai das vítimas, que testemunhou a
cena, ficou em choque. As informações são do jornal “Daily Mail”.
De acordo com a publicação
americana, Christy Sheats, de 42 anos, usou uma pistola para matar as filhas
Taylor e Madison, de 22 e 17 anos, respectivamente. Quando a polícia chegou ao
local, depois de receber a denúncia de vizinhos, que ouviram tiros, a mulher
estava na porta de casa ainda armada. Christy, que se recusou a largar a arma
por ordem de um agente, acabou baleada e também morreu.
A filha mais nova da atiradora
chegou a ser levada para um hospital da região, mas morreu horas depois. O
marido de Christy e pai das meninas, que testemunhou todo o ocorrido, precisou
ser amparado e foi levado para um hospital em estado de choque. Ele será
ouvido, pois pode ajudar os investigadores a entender o que levou ao ataque da
mãe. “Foi uma discussão familiar se transformou em um tiroteio, mas ainda
estamos tentando juntar as peças e saber o que houve. Agora, tudo o que podemos
fazer é rezar por esse pai”, disse o xerife local.

Itambeagora@gmail.com
0 Comentário
0

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade