Início Brasil Itapetinguense confessou assassinato de travesti no Paraná, diz delegado

Itapetinguense confessou assassinato de travesti no Paraná, diz delegado

Por Reginaldo Spínola

 

O delegado titular de Sarandi, no Paraná, Adriano Garcia, disse durante entrevista a TV Record, que um homem, identificado como Murilo confessou o assassinato da travesti Jhonatan Willian da Silva, de 24 anos.

Segundo a polícia, o homicídio aconteceu na madrugada de 30 de março, na avenida Bela Vista, no Jardim Bela Vista. Inicialmente, acreditava-se em um acidente de trânsito, mas, durante as investigações, os policiais descobriram que o acusado atropelou propositalmente a travesti. O motivo do crime foi porque Murilo teria desistido de se relacionar com a vítima.

O acusado do homicídio morava no Bairro Camacã, em Itapetinga.

Assista ao vídeo e confira à reportagem.

Por Itapetinga Repórter
Itambeagora@gmail.com

Deixe um comentário

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade