Página Inicial / Bahia / Briga de “amigas” por causa de idoso termina com uma morta a facadas em Itabuna

Briga de “amigas” por causa de idoso termina com uma morta a facadas em Itabuna

Compartilhe em sua Rede Social

 

Duas amigas, um idoso, ciúme, briga e um fim trágico. Este é o resumo de uma história real, que teve como palco a Bananeira, região ribeirinha próxima ao bairro Lomanto, em Itabuna. Desse “filme”, três personagens que desempenharam papéis distintos: um deles é o pivô, a outra é a vítima fatal e a terceira uma assassina confessa. O caso aconteceu na tarde deste sábado (15).

Valquíria Silva Conceição

Valquíria Silva Conceição, de 43 anos, e Larissa Dias Paiva, de 23, já se conheciam há um bom tempo. No entanto, as duas amigas vinham se desentendendo constantemente. O motivo seria ciúmes e o pivô, um homem de 73 anos, marido de Larissa, que foi morta com duas facadas. A autora do crime, Valquíria, foi presa em flagrante e confessou.

Larissa Dias Paiva

Larissa Dias Paiva

A mulher alegou que agiu em legítima defesa. “Foi ela que começou, me chamou na rua e começou a dizer que eu estava falando dela. Depois me ameaçou com um espeto de ferro”, contou. Valquíria relatou que conseguiu tomar o objeto da amiga e jogou no chão. Só que, ao invés de ir embora, foi na casa da irmã e pegou uma faca. Voltou ao local e desferiu, friamente, dois golpes na vítima, que foi atingida no peito e em um dos olhos. Valquíria, entretanto, não admitiu que Larissa tivesse ciúme dela.

O Samu foi acionado e a polícia Militar, por meio da 1ª Companhia, foi também para dar apoio ao serviço de urgência. Chegando lá, a jovem já estava morta. A criminosa foi presa, quando tentava fugir pelas margens do rio.

“Eu peço perdão, porque sei que só Deus pode tirar a vida. Não tenho esse direito. Agora vou pegar pelo meu erro”, choramingou Valquíria, que já tem outras passagens pela polícia.

Aliciamento de menores

Em abril desse ano, a mulher foi presa por aliciamento de menores. Ela foi acusada de levar uma adolescente de 13 anos e três homens para um motel em Itabuna. Sete horas após, Valquíria e os homens foram embora, deixando a menina sozinha no estabelecimento.

Os funcionários do motel estranharam o número de pessoas que saíram do quarto e abriram o cômodo com uma chave mestra, encontrando a garota dormindo. Foi aí que perceberam que se tratava de uma menor de idade e ligaram a polícia.

Verdinho Blog

Sobre Reginaldo Spínola

Postagem em destaque

Mais um suicídio em Jequié; foi o terceiro caso em 24 horas e o sexto neste mês, diz IML

Compartilhe em sua Rede Social  Mais uma pessoa cometeu suicídio em Jequié. Desta feita, Rosene …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.