Início Bahia Brutal: Vendedora e sobrinho de 11 anos são mortos a facadas na Bahia; suspeito é preso

Brutal: Vendedora e sobrinho de 11 anos são mortos a facadas na Bahia; suspeito é preso

Por Reginaldo Spínola

As sandálias de uma criança deixadas na mesma posição na entrada da casa e a televisão ligada por dois dias seguidos foram os indícios de que algo de errado havia acontecido com quem estava no imóvel, situado na Rua das Bromélias, em Camaçari, Região Metropolitana de Salvador.

Desconfiados, vizinhos acionaram a polícia que, por sua vez, arrombou a porta e se deparou com uma cena de terror: os corpos de tia e sobrinho estavam lado a lado na cozinha em uma poça de sangue.

A vendedora Lucilene Oliveira da Silva, 38 anos, e o sobrinho dela, Leonardo Machado Santana, 11, foram mortos a facadas na noite do último domingo (19), mas os corpos só foram encontrados na manhã dessa terça-feira (21).

Em nota, a Polícia Civil informou que a 26ª Delegacia (Abrantes) investiga o feminicidio de Lucilene e o homicídio do sobrinho dela. A autoria é atribuída ao companheiro da mulher, que foi preso no início da tarde desta quarta-feira (22).

O homem, que não teve o nome divulgado, estava escondido deste a noite de terça na Aldeia da Pitanga, localidade de Distrito das Pedras, em Santo Amaro. “Ontem (terça), as guarnições chegaram a avistá-lo, mas ele conseguiu fugir. A PM manteve o cerco e no início da tarde localizaram o criminoso, que foi encaminhado à delegacia de Santo Amaro”, disse a Polícia Militar, em nota.

Momentos antes do crime, Lucilene havia brigado com o companheiro numa festa em Arempede, distrito de Camaçari. Além de não ter sido mais visto no local, o acusado teria confessando o crime para a mãe dele.

“Ele disse para ela que tinha matado minha ex-cunhada e meu filho. A mãe dele está em estado de choque. O que ele fez deixou a cidade arrasada. Só se fala nisso. Ele é um monstro. A justiça dos homens pode até falhar, mas a de Deus nunca!”, desabafou o pai de Leonardo, o mototaxista Leonardo de Araújo Santana, 36, na manhã desta quarta-feira (22). O menino é era o filho caçula dele e por isso fora batizado com o nome do pai.

Os corpos de tia e sobrinho foram levados do Instituto Médico Legal Nina Rodrigues (IMLRN), em Salvador, para serem sepultados na cidade de Santo Amaro, no Recôncavo, onde mora toda a família.

Itambeagora@gmail.com

Deixe um comentário

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade