Início Bahia Diretor impede vacinação de trabalhadores de hospital na BA por não ter quantidade de doses para todos

Diretor impede vacinação de trabalhadores de hospital na BA por não ter quantidade de doses para todos

Por Reginaldo Spínola

O diretor do Hospital da Chapada, que fica na cidade de Itaberaba, Nadson Pedreira, impediu na última quinta-feira (21), que funcionários da prefeitura vacinasse contra Covid-19 alguns trabalhadores do hospital no qual ele dirige. A justificativa dada pelo gestor é de que a quantidade de doses foi limitada e ele entendeu que só valeria a pena se todos os 120 prestadores de serviço fossem imunizados.

“A vacina chegou aqui em Itaberaba no dia 20 e em nenhum momento a Secretaria Municipal de Saúde entrou em contato conosco para saber quantas doses seriam necessárias para imunizar. O Hospital da Chapada é a única unidade 100% Covid-19 de Itaberaba, com 20 leitos de UTI e 20 leitos clínicos”, disse Nadson Pedreira.

O diretor da unidade de saúde questiona que a prefeitura ofereceu 84 doses sendo que o Hospital da Chapada tem 120 funcionários. Ele também afirmou que a decisão foi tomada de forma unânime entre os trabalhadores.

“Eles apresentaram uma escala de serviço e uma relação que eu não sei de onde eles tiraram com 84 nomes. Nós temos 120 colaboradores aqui e todos eles decidiram unanimemente que só se vacinariam se todos se vacinassem. Fica difícil para mim como gestor optar por um médico ou por uma pessoa da limpeza, entre um enfermeiro e um funcionário da lavanderia”, explicou.

Por fim, Nadson Pedreira acusou a prefeitura de vacinar pessoas que trabalham no setor administrativo da UPA Covid. Segundo ele, essa ação não faz parte da 1ª etapa da vacinação.

“A prefeitura vacinou pessoas administrativas, pessoas que não estão ligadas ao Covid-19 e nós não achamos isso justo. A lei foi feita para ser cumprida”, disse.

Em um vídeo que viralizou nas redes sociais, funcionários do Hospital da Chapada se juntaram e gritaram “Ou todos ou nenhum”.

A coordenadora de vigilância em saúde de Itaberaba, Aline Negrão, gravou um vídeo onde afirma que as 84 doses foram encaminhadas para o hospital após a unidade enviar uma lista com essa quantidade de funcionários.

“Eu estive ontem à tarde com a equipe de vacinação no estabelecimento de saúde provado, Hospital da Chapada, referência no atendimento aos pacientes com Covid-19, que recebem pelo atendimento desses pacientes, levando 84 doses para imunizar a ala Covid-19, de acordo com uma lista recebida por um funcionário do hospital na quarta-feira”, disse a coordenadora.

Sobre as acusações de vacinar pessoas que não fazem parte da 1ª etapa de vacinação, Aline Negrão disse que as pessoas que foram vacinadas trabalham na UPA Covid e fazem parte do grupo que trabalha diretamente no enfrentamento contra doença.

“Referiu também que nós como vacinadores tínhamos vacinados o pessoal do administrativo da UPA Covid-19, sendo que nesta etapa, nós temos um quantitativo de 522 doses e de acordo com o informe técnico nacional de imunização, nós temos que priorizar os grupos da 1ª fase e dentro dele estar os trabalhadores de saúde. A UPA Covid-19 foi toda imunizada como a orientação do estado no plano de vacinação”, explicou.

A prefeitura disponibilizou as doses em uma unidade de saúde e os 84 funcionários inscritos na lista podem ir lá e fazer a vacinação.

“Hoje, às 8h, o município já deixou disponibilizado na unidade de saúde do centro todas as 84 doses desses profissionais que têm direitos a serem imunizados. Nesse momento, nessa primeira remessa de 522 doses, vão ser vacinados o que estão no enfrentamento ao Covid-19”, informou Aline Negrão.

 

Itambeagora@gmail.com

Deixe um comentário

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade