Início Noticias INHOBIM: FAZENDA MANTINHA TRABALHADORES EM REGIME ANÁLOGO A ESCRAVIDÃO

INHOBIM: FAZENDA MANTINHA TRABALHADORES EM REGIME ANÁLOGO A ESCRAVIDÃO

Por Reginaldo Spínola
O Ministério do Trabalho tem intensificado as ações na Zona
Rural de Vitória da Conquista e Sudoeste Baiano, intensificando a fiscalizações
dos ambientes dos trabalhadores. Diversos fazendeiros foram notificados por não oferecerem condições dignas aos lavradores, que em muito caso chegam a ser
comparados com escravos. Nas fotos abaixo, os Auditores Fiscais do Trabalho (AFTs),
Joatan Reis e Deraldo Brito,  mostram a
situação de uma fazenda no Distrito de Inhobim, em Vitória da Conquista, onde
foi lavrado o  Termo de Interdição dos
alojamentos do estabelecimento, no mês passado.
Elementos que caracterizaram a submissão de trabalhadores a
condições análogas às de escravo: Falta de registro de todos os empregados; Não
submeter os trabalhadores a exames médicos admissionais; Não fornecer
equipamentos de proteção individual (botas, luvas, capas); Manter instalação
sanitária desprovida de vaso sanitário, chuveiro e lavatório; Manter
alojamentos desprovidos de camas e colchões; Deixar de manter abrigo contra
intempéries e instalação sanitária nas frentes de serviço; Não fornecer água
potável aos trabalhadores. Todas as vitimas foram indenizadas.
Blog do Anderson

Itambeagora@gmail.com

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade