Início Noticias Casos de homicídios em Conquista crescem assustadoramente

Casos de homicídios em Conquista crescem assustadoramente

Por Reginaldo Spínola
0 Comentário
A cidade de Vitória da Conquista
segue aumentando os índices de assassinatos na cidade, número que aponta ser,
uma das mais violentas da Bahia. São quase 160 homicídios, somente neste ano.
Na noite desta sexta-feira (28), Marcelo
Moreira de Brito, 25 anos, foi morto a tiros no Bairro Santa Cruz na zona oeste
de Vitória da Conquista.

A polícia foi acionada por volta
das 20h, depois que populares ouviram vários tiros. No local foi encontrado o corpo
de Marcelo, caído junto ao Rua 15. A morte foi constatada pelo Samu 192. No
bairro prevalece a lei do silêncio, onde ninguém sabe e ninguém viu nada.
Já na noite deste sábado (30), uma
pessoa morreu e outra ficou ferida durante um tiroteio ocorrido no conjunto Acácia,
bairro Miro Cairo, por volta das 21:30h.
A polícia foi acionada por
moradores, que informaram sobre uma pessoa ferida durante o tiroteio na rua
principal do conjunto. No local, os militares confirmaram o ocorrido e o Samu
192 constatou a morte de Paulo Paulo César Silva de Jesus, 23 anos, vulgo
“Kinca”, morador do bairro Nossa Senhora Aparecida.
Populares também disseram que
outra pessoa estaria baleada no interior de uma residência nas proximidades. A
PM foi até o local citado, porém houve resistência da proprietária do imóvel
para que a polícia adentrasse o local e tivesse acesso ao suposto baleado.
Depois de muita confusão a
polícia entrou no imóvel e confirmou que Everson Cruz Souza, 18 anos, estava
baleado. Ele foi socorrido pelo Samu 192 e encaminhado ao hospital.
Como sempre, nenhuma testemunha
informou como foi a dinâmica do tiroteio. Uma das hipóteses levantadas é que as
vítimas possam ter trocado tiros entre si. Segundo a polícia, os envolvidos têm
antecedentes criminais.
“Kinca” foi preso em junho deste
ano, após agredir a esposa com um pedaço de pau. Naquele dia, ao ser conduzido
a delegacia ele foi reconhecido como um dos autores de um roubo a um veículo
onde fez o condutor refém e o obrigou a levar os criminosos para praticar
quatro assaltos.
Já não é mais novidade esse tipo
de notícia em Conquista. Nos meios de comunicação, já não tem mais impacto. O que
parece, é que se tornou parte do dia dia dos conquistenses, esse tipo de
notícia. A cidade está prestes a fechar o ano, com pelo menos 185 homicídios em
2014, e ao ver de todos, parece ser 
natural. A proporção aponta aproximadamente 1 homicídio a cada 2 dias,
durante todo o ano  na capital do
sudoeste baiano.

Fotos Blitz Conquista


Itambeagora@gmail.com
0 Comentário
0

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade