Início Noticias Suspeito de matar padre em 2006 é morto a tiros em Conquista

Suspeito de matar padre em 2006 é morto a tiros em Conquista

Por Reginaldo Spínola
Eduardo Thadeu Ferreira Gomes, 33
anos, conhecido por “Dudu” ou “Corante”, foi assassinado por volta das 23h na
Rua Olavo Ramos, bairro Guarani, em frente à residência onde morava. Ele
chegava a casa no momento que os moradores da rua ouviram os disparos. Quando a
companheira da vítima saiu na porta, encontrou Eduardo agonizando na calçada. O
Samu 192 esteve no local, mas o jovem já estava sem vida.
Eduardo foi atingido com vários
tiros no abdômen. Após a realização do levantamento cadavérico e perícia de
local de crime, o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal. De acordo
com a polícia, Eduardo era um dos suspeitos do assassinato do Padre Italiano,
Bruno Baldacci, ocorrido no dia 29 de março de 2006. Eduardo e três comparsas
teria matado o padre a pauladas em seu quarto, na Casa Paroquial da Igreja
Nossa Senhora das Candeias. O crime chocou a comunidade conquistense,
principalmente pela crueldade.

Durante a noite, momento que
ocorreu o homicídio, nenhum vizinho percebeu algo errado. O corpo foi
encontrado por uma funcionária da paroquia às 8h45 do dia 30. A vítima estava
com o rosto desfigurado e marcas de sangue eram vistas por todo imóvel. O
assassinato foi investigado pelo atual Coordenador da 10ª Coorpin, delegado
Marcus Vinícius. Todos os envolvidos foram presos. A Polícia Civil descarta a
hipótese que a morte de Eduardo tenha relação com o assassinato do padre em
2006. Acredita-se que a motivação seja o envolvimento com o tráfico de drogas.

Blitz Conquista
Itambeagora@gmail.com

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade