Início Noticias Conquista: Empresário Jair Lagoa prestes a ser preso

Conquista: Empresário Jair Lagoa prestes a ser preso

Por Reginaldo Spínola
A qualquer momento a Polícia
Civil pode pedir a prisão do empresário Jair Lagoa. Ele é investigado por
suspeita de estelionato.
As investigações deram início
após várias pessoas registrarem queixas na delegacia alegando terem sido
lesadas pelo empresário.
O empresário foi intimado para
ser ouvido no processo e teria se argumentado que os cheques devolvidos, por
falta de fundos, divergências de assinaturas ou outros problemas, foram em
consequência de uma decisão da Justiça Federal que o impediu de continuar
comercializando os consórcios de motocicletas na modalidade conhecida como
“morte súbita”.
Após outras pessoas apresentarem
queixa contra o empresário, ele foi intimado novamente, desta vez juntamente
com a sua esposa, a qual seria sócia nos negócios. Ela compareceu, porém, Jair
Lagoa não se fez presente e alegou que estaria sendo ameaçado. Na oportunidade
os seus advogados teriam sugerido que ele fosse ouvido em outro estado da
federal por meio de carta precatória. Muitos acreditam que a sugestão pode ser
uma estratégia legal de alongar o período investigatório e de alguma forma
favorecer o empresário.
Com a ausência do suspeito, após
a intimação, caso considere necessário, o delegado da Delegacia de Repressão a
Furtos e Roubos, que investiga o suposto estelionato, pode representar pela
prisão de Jair Lagoa. Fonte: Blitz Conquista
Itambeagora@gmail.com
1 Comentário

Related Articles

1 Comentário

Anônimo 18 de outubro de 2015 - 13:54

Infelizmente inúmeras pessoas de bem foram prejudicadas por esse senhor…
Nós pagamos as parcelas em dia, alguns foram contemplados… E muitos de nós que fomos contemplados, pegamos os cheques e repassamos… Sendo assim, tivemos 100% de prejuízo, tivemos que cobrir os cheques altíssimos que repassamos… Pois as pessoas que estavam com os cheques, não queriam nem saber … Exigiam o dinheiro!!! Ressalto, que os cheques só foram repassados na época, porque os funcionários autorizaram e disseram que assim podia ser feito.
Em três meses fomos do céu ao inferno!!!!
Em tempos de crise, estamos com esse prejuízo e o que nos resta ainda é um cheque sem fundos em mãos!!!
Queremos apenhora dos bens dele, de "todos" os bens, principalmente veículos…
E assim dividam o valor arrecadado com os bens vendidos, entre todos os prejudicados…
Pessoas honestas que agora estão prejudicadas e com dívidas atrasadas por conta, de ter tido que cobrir esse cheque que achávamos estar livres!!
A justiça pode até tardar,ss não falhará… Principalmente a de Deus!!
Só Deus para nos dar força para trabalhar, e lutar para nos reerguer…
Mas queremos e esperamos que Jair apareça e nos dê explicações!
Ass: Alguém decepcionadíssimo com o grupo Jair Lagoa (E funcionários, que não nos avisaram quando o circo estava pegando fogo)

Comentários estão fechados.

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Aceitar

Política de privacidade e cookies