Início Noticias Mulher morre quando lavava roupas no Rio Pardo

Mulher morre quando lavava roupas no Rio Pardo

Por Reginaldo Spínola
A Polícia Militar foi acionada para uma ocorrência no meio
rural. Uma mulher de 35 anos havia sido encontrada morta às margens do Rio
Pardo, na região do Pilãozinho, pertencente ao município de Macarani, no início
da tarde desta terça-feira (22).
Sueli Alves do Nascimento lavava roupas, quando o seu
genitor que lhe fazia companhia, percebeu ao longe, de que ela estava com a
cabeça voltada para a água. Ao chegar ao local, percebeu que a filha não mais
respirava. Tentou reanimá-la, mas em vão.
O senhor Otacílio contou para os policiais que sua filha
parecia estar bem antes de ir para o rio e lavava roupas no rio, em um local bastante
raso. Sueli tinha esposo e era mãe de três filhos.
O delegado Roberto Júnior, a fim de esclarecer as reais
causas da morte, já expediu guia para encaminhamento do corpo ao IML de Vitória
da Conquista, que emitirá laudo cadavérico nos próximos dias. (Por Sudoeste 24 horas)
Itambeagora@gmail.com
1 Comentário

Related Articles

1 Comentário

Anônimo 23 de dezembro de 2015 - 16:21

Falando em margem do rio Pardo, bares e pousadas da região do Porto em Cândido Sales estão barrando a água do Rio Pardo com sacos de areia para uso recreativo, aproveitando os recessos de final de ano em que o INEMA não funciona para poder fiscalizar. Com isso, Itambé e região ficam sem água. O que fazer?

Comentários estão fechados.

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Aceitar

Política de privacidade e cookies