Início Bahia Ipiaú: Prefeitura não paga aluguel de terreno e sinal na torre da TV Sudoeste é desligado

Ipiaú: Prefeitura não paga aluguel de terreno e sinal na torre da TV Sudoeste é desligado

Por Reginaldo Spínola
0 Comentário

No início da tarde desta segunda-feira (21), a população ipiauense foi surpreendida com o repentino desligamento do sinal da Tv Sudoeste, sucursal da Rede Globo na região Sudoeste da Bahia. O que parecia ser apenas uma falha temporária e que já é rotina na cidade, escondia um absurdo ainda maior: O desligamento dos equipamentos ocorreu pela falta de pagamento do aluguel por parte da prefeitura, do terreno onde encontram-se instalados os equipamentos de transmissão do sinal, na conhecida “torre”. Em informações obtidas com exclusividade, Marciana Bastos, neta da proprietária do imóvel onde encontra-se instalado os equipamentos de transmissão, nos informou que eles tomaram a atitude de fazer o desligamento dos equipamentos de transmissão, em razão do não pagamento do aluguel da área por parte da prefeitura municipal de Ipiaú.

De acordo com Marciana, foram várias as tentativas de negociação junto à Flávia Mendonça e a procuradora do município, Drª Fátima, contudo, não houve acordo. Marciana informou que o argumento da prefeitura é que não cabe pagamento de aluguel por parte da prefeitura, por não possuir nenhum equipamento de propriedade dela (prefeitura) no local, e que a responsabilidade do pagamento pertence às emissoras que utilizaram o local para instalação de seus transmissores e demais equipamentos. Também, segundo Marciana, apesar dos equipamentos beneficiarem mais de 35.000 habitantes ipiauenses, foi alegado que a área está situada no município de Itagibá, ou seja, fora do território ipiauense.

Ela informou ainda que buscou contato tanto com a Tv Sudoeste (Globo) quanto com a Tv Itapuã (Record) e ambas informaram que sempre foi de responsabilidade das prefeituras entrarem com a contrapartida de locação e vigilância do espaço onde situam-se as torres de transmissão dos sinais de tvs, não só aqui como em diversos outros municípios. Ou seja, houve um jogo de empurra-empurra.

Ainda, Marciana informa que durante os mais de 40 anos em que existe o uso da propriedade para instalação dos equipamentos de transmissão, esta foi a primeira vez em que os pagamentos deixaram de ser realizados. Segundo ela, desde o início da atual gestão municipal, ou seja, há oito meses nenhum pagamento foi realizado por parte do município, bem como não houve nenhuma conciliação no que diz respeito à renovação do contrato de locação. Dessa forma, os custos relativos à vigilância e manutenção dos equipamentos não estão sendo cobertos. A proprietária, em contato com a Tv Itapuã (Record), conseguiu entrar em acordo com eles e dessa forma, provisoriamente não irá realizar o desligamento do sinal da Record na cidade. Enquanto esse impasse não é resolvido, a população mais carente, que não dispõe de condições de adquirir uma antena parabólica ou até mesmo uma tv por assinatura, fica a mercê do descaso por parte da administração municipal. // Ipiau Online.

Itambeagora@gmail.com
0 Comentário

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade