Início Bahia Jequié: Justiça condena pastor por crime de difamação e aplica multa de 6 mil ao religioso

Jequié: Justiça condena pastor por crime de difamação e aplica multa de 6 mil ao religioso

Por Reginaldo Spínola
0 Comentário

A Justiça condenou o Pastor Reginaldo Barros a pagar ao professor Dr. Roberto Gondim, a título de danos morais, o valor de R$ 6.000,00 (seis mil reais), em razão da veiculação em forma de áudio gravado em grupo de WhatsApp de varias fake news imputando à campanha eleitoral do professor Roberto Gondim, falsos crimes e irregularidades eleitorais .

Mesmo sendo questionado em juízo e tendo a oportunidade de mostrar provas das suas alegações, o pastor Reginaldo Barros não apresentou nada que trouxesse sequer indícios de veracidade de suas alegações.

A condenação ocorreu em processo cível sendo que o pastor Reginaldo Barros ainda responde a processo criminal área crime por outros delitos de mesma natureza. Mesmo sendo funcionário concursado, o réu condenado requereu ao juízo que fosse considerado pessoa pobre, no intuito de se beneficiar da assistência judiciária gratuita. o pedido não foi acatado.

Itiruçu Online
Itambeagora@gmail.com
0 Comentário
0

Deixe um comentário

Ao utilizar este formulário concorda com o armazenamento e tratamento dos seus dados por este site.

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade