Início Educação Governo confirma permanência da Extensão do Gilberto Viana em Catolezinho

Governo confirma permanência da Extensão do Gilberto Viana em Catolezinho

Por Reginaldo Spínola

wp_20161118_009

Após vários pedidos e mobilizações de iniciativa do prefeito municipal Ivan Fernandes, para a permanência do Ensino Médio Regular no Distrito de Catolezinho, por meio da extensão do Centro Educacional Gilberto Viana, na última quarta-feira (24), a tão aguardada notícia chegou: a Secretaria Estadual de Educação (SEC) confirmou a continuidade da parceria entre Prefeitura Municipal de Itambé e o CEGV no distrito.

A notícia foi recebida com muita alegria pela comunidade estudantil de Catolezinho, pela direção do CEGV e pela administração municipal. Afinal, todos temiam a transformação integral da extensão do Centro Educacional Gilberto Viana em uma Emitec – Ensino Médio com Intermediação Tecnológica, cuja intenção da SEC seria começar o projeto este ano com a turma do 1º ano.

Dentro do impasse, que durou algumas semanas, a decisão do prefeito Ivan de criar uma comissão, formada por autoridades, direção, professores, pais e alunos, foi fundamental para a decisão final da SEC, que culminou na permanência da extensão do CEGV. Um grupo, composto por várias autoridades entre elas o prefeito Ivan, o vereador Sivaldo Abreu e o chefe de gabinete do deputado Rosemberg Pinto, se dirigiu a Salvador no último dia 17 de fevereiro com o objetivo de sensibilizar o Governo do Estado.

Para o gestor municipal, toda mobilização e união do poder público e representantes da sociedade civil de Catolezinho foram fundamentais para a permanência da parceria com o CEGV. “Só temos a agradecer o apoio de todos. Sem dúvida, quando nos unimos em prol de uma causa justa, a vitória é certa. Essa conquista é mais do que merecida para a nossa comunidade”, destacou o prefeito.

A Extensão do Centro Educacional Gilberto Viana em Catolezinho foi implantada em 2005. Desde a sua criação até hoje, professores e demais funcionários de apoio são totalmente pagos pela Prefeitura Municipal de Itambé. A escola oferece aos seus alunos o ensino médio regular e o Programa Emitec, com aulas realizadas via internet, que atende principalmente a demanda de alunos que estão com distorções na relação idade/série. (Informação: Ascom PMI)

Itambeagora@gmail.com
0 Comentário

Related Articles

Deixe um comentário

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Aceitar

Política de privacidade e cookies