Início Brasil Horror: Jovem mata amiga esfaqueada só para ‘descobrir se era psicopata’

Horror: Jovem mata amiga esfaqueada só para ‘descobrir se era psicopata’

Por Reginaldo Spínola

Três jovens acusados de matar uma menina de 18 anos foram presos no município de Goiânia, em Goiás. As informações foram apresentadas pelo delegado Marcos de Oliveira Gomes, responsável pelas investigações do crime, nesta quarta-feira (15). De acordo com o G1, a vítima era amiga dos suspeitos e foi encontrada morta na localidade conhecida como Setor Jaó, no último dia 30 de agosto, após sete dias desaparecida.

Entre os suspeitos estão Jeferson Cavalcante Rodrigues, de 22 anos, Enzo Jacomini Carneiro Matos, de 18, e Raíssa Nunes Borges, de 19. De acordo com a Polícia Civil, o trio assassinou Ariane Bárbara Laureano de Oliveira porque a uma das suspeitas pretendia descobrir se era, de fato, uma psicopata.

Ainda segundo a polícia, a vítima foi morta no dia 24 de agosto, de maneira cruel e premeditada. Pouco antes de ser assassinada, Ariane Bárbara chegou a comunicar à família que iria sair para lanchar com os amigos, mas nunca mais voltou para a casa. Isto porque, uma das principais suspeitas pela execução da menina, decidiu que teria que avaliar sua reação após matar alguém para ter certeza se é uma “psicopata”.

Conforme o delegado Marcos de Oliveira Gomes, responsável pelas investigações do crime, o trio chegou a criar uma lista de possíveis vítimas para a ação criminosa que serviria como uma espécie de “exame diagnóstico”. Contudo, os suspeitos acabaram escolhendo Ariane porque a menina era “pequena” e teria mais dificuldade de reagir ao atentado contra sua vida.

As investigações apontam que a vítima foi assassinada dentro de um carro em movimento, após ser enforcada e esfaqueada, ao som de uma música que falava sobre homicídio. Após cometer o crime, os suspeitos teriam colocado o corpo da jovem dentro do porta-malas do veículo, que havia sido forrado com sacos de lixo. Em seguida, para se livrar do cadáver, o trio teria jogado o corpo de Ariane dentro de uma mata em uma região conhecida como “Setor Jaó”.

O suspeito que dirigia o veículo foi identificado pela polícia e confessou o crime. A faca usada no assassinato da jovem foi apresentada pelo acusado ainda com resquícios de sangue.

Itambeagora@gmail.com

Deixe um comentário

mais Postagens interessantes

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade