Início Noticias Embasa emite Nota sobre o abastecimento em Itambé e população fica em alerta

Embasa emite Nota sobre o abastecimento em Itambé e população fica em alerta

Por Reginaldo Spínola

Veicula nas redes sociais, através do Facebook e o aplicativo Whatsapp, Nota emitida pela Embasa, esclarecendo sobre a atual situação do abastecimento de água na cidade. A situação é preocupante e poderemos ter dias difíceis, sem água para a população.

O Blog Itambé Agora já havia feito o alerta através de matéria veiculada no último dia 10/03, mostrando situação crítica na vazão do Rio Pardo, relembrando a seca histórica no final de 2015, em Itambé. Na ocasião, o Rio Pardo chegou a 20% da sua capacidade, inviabilizando a captação pela Embasa. A única solução paliativa, de forma emergencial foi a utilização de caminhões pipas para tentar amenizar o sofrimento da população, até a conclusão da adutora idealizada pela prefeitura, para deslocar água do Rio Ribeirão até o ponto de captação da Embasa no Rio Pardo.

Veja a Nota da Embasa

A Embasa informa que, restabeleceu o fornecimento de água no Sistema de Abastecimento de Itambé, após o volume de água no Rio Pardo alcançar o ponto de captação na noite deste domingo (19). A regularização aconteceu após a Embasa solicitar da Agência Nacional de Águas (ANA) aumento na vazão liberada na barragem, localizada na cidade de Machado Mineiro, no norte de Minas Gerais. Nesta segunda (20), a Embasa disponibilizará abastecimento alternativo e complementar por meio de carros-pipa para hospitais, creches e escolas da cidade.

Desde fevereiro, a vazão liberada na barragem de Machado Mineiro não tem sido suficiente para atender aos sistemas de abastecimento que dependem deste manancial. De modo a proporcionar aumento no volume disponibilizado para regularidade na distribuição, nesta segunda (20) a Embasa também iniciará a instalação dos equipamentos necessários para captação de água diretamente do rio Ribeirão.

 Recomendações

Neste cenário de escassez que ocorre em toda a Bahia, é importante evitar o uso de água potável para a lavagem de carros, de calçadas ou rega de plantas e jardins. Para esses fins, é recomendável o reuso da água de lavagem de roupas ou da lavagem de hortaliças e legumes.

Também é preciso que a população seja vigilante em relação a vazamentos na rede interna do imóvel onde mora ou de onde frequenta centros comerciais e repartições públicas e em relação a vazamentos na rua.

A Embasa recomenda a instalação de reservatório domiciliar que atenda às necessidades de consumo dos moradores. Para informar vazamentos na rede pública distribuidora ou uso clandestino da água da rede de distribuição, a população pode utilizar o site da Embasa ou ligar para o teleatendimento gratuito 0800 0555 195.

Itambeagora@gmail.com
0 Comentário

Related Articles

Deixe um comentário

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site. Ao clicar em "aceitar" assumiremos que você concorda com o uso que fazemos dos cookies. Concordo Clique AQUI e tenha mais informações

Política de Privacidade